Empresas - 15/02/2019, 11:58

Piauí é o 2º no Ranking Nacional para a Simplificação do Registro de Empresas

Nos últimos três meses, o estado alcançou uma pontuação de 86,1% no ranking, ficando atrás apenas de Alagoas, com 87,6%.



Ascom Midi foto 7250 133229.jpg.360x243 q85

De acordo com dados divulgados no fim de janeiro pela Receita Federal do Brasil, o Piauí ocupa a segunda posição no Ranking de Qualidade da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim). Nos últimos três meses, o Piauí alcançou uma pontuação de 86,1% no ranking, ficando atrás apenas de Alagoas, com 87,6%.

A Redesim, que mede o tempo médio de abertura de empresas, funciona no estado por meio do Portal Piauí Digital, coordenado pela Junta Comercial do Estado do Piauí (Jucepi). Fazem parte da Rede para Simplificação no Estado: 223 prefeituras municipais, Junta Comercial, Receita Federal, Secretaria da Fazenda, Secretaria do Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária.

O Ranking de Qualidade da Redesim leva em consideração dois itens: o percentual de integração dos órgãos públicos envolvidos no registro e legalização de empresas, no qual o Piauí aparece com 91,6%; e a quantidade de aberturas de empresas realizadas em cada estado brasileiro em até três dias. No Piauí, a cada dois dias e 13 horas, um novo negócio é aberto, e 78% das pessoas que querem empreender conseguem iniciar e finalizar o registro da empresa em até três dias.


Fonte: ASCOM